Warning: Declaration of THB_StaticTab::createContainer($title, $slug) should be compatible with THB_Tab::createContainer($title, $slug, $index = false) in /home/u676986833/domains/polifonia.art.br/public_html/lab/wp-content/themes/bigfoot/framework/core/class.statictab.php on line 26
Ive Seixas: confira o vídeo de “Cervejas Populares” | POLIFONIA LAB

Clique aqui para ouvir no catálogo o EP “Andorinha Só”.

Ive Seixas é cantora e compositora. Nasceu em Resende (RJ), estudou piano durante a infância e na adolescência se identificou com o rock, vivenciando o “Do It Yourself” característico do universo independente. Produzindo eventos e editou fanzines em sua cidade natal. Em 2003 fundou a banda “Ricto Máfia” e com ela ganhou experiência de palco assumindo guitarras e voz principal. Em 2012 a banda passa a se chamar apenas “Ricto” e lança seu primeiro disco (10 faixas) contemplado pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Volta Redonda, com distribuição do selo Tamborete Entertainment.

Em 2013 a artista dá início ao projeto “andarilho”. Desligando-se da antiga banda, inicia uma nova fase de composições que formam um repertório com influências de música popular brasileira. Assim nasce o conceito “Andorinha Só”, algo bem próximo do trovador solitário, do cantador, do artista solo que canta nas ruas e passa o chapéu. Dessa nova fase nasce o primeiro EP com 3 faixas e participações de importantes nomes da cena sul fluminense: Felipe Mendonça (violão de 7 cordas), Moisés Ferreira (trombone), Rawlinson Seixas (tuba sinfônica), Nicolai Lamin (trompete e saxhorn), Wallace Lopes (cavaco), Mestre André (surdo, tamborim e pandeiro), Lucas Mello (baixo).

São só três músicas, mas já é o suficiente para deixar o gostinho de quero mais e ligar nosso radar à espera do segundo trabalho. – Marcelo Monteiro, blog Amplificador (O Globo)

O EP, lançado em fevereiro de 2014, recebeu destaque como um trabalho promissor no blog Amplificador do Jornal O Globo, segundo Marcelo Monteiro: “São só três músicas, mas já é o suficiente para deixar o gostinho de quero mais e ligar nosso radar à espera do segundo trabalho”. Também foi indicado no blog de Ricardo Alexandre (Jornalista e escritor que dirigiu revistas como Bizz, Trip e Época São Paulo). A música “Andorinha Só”, que dá título ao EP, chegou às semifinais do Festival de Música de Resende e está desde abril presente na programação da rádio Roquette Pinto (RJ).

Como “Andorinha Só” a artista não mantém uma banda fixa, o que lhe permite tocar acompanhada de diversos músicos, tendo uma rica experiência de intercâmbio. Se apresentou na Virada Cultural em São Paulo e em diversos espaços tradicionais de música independente no Rio de Janeiro, na região Sul Fluminense e SP.

Além do trabalho solo, a artista co-produziu o álbum “Cordel” de Nicolai Lamin (2013), e em 2014 participou da gravação de “Versos e Inversos”, canção da banda Imóvel (Volta Redonda), que ganhou clipe e está atualmente na programação da Play TV.

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *